16/05/17


Castro, Eugénio de - Constança - Porto, Editora O Oiro do Dia, 1981. In-4.º; de 38-II págs. Com um desenho de Giovannino de´ Grassi.
Br. € 12,50

Colecção «O Oiro do Dia», 73.

"Eugénio de Castro nasceu em Coimbra em 1869 e aí morreu em 1944. Formado em Letras, começou por seguir a carreira diplomática, que abandonou para se dedicar ao ensino, primeiro ao nível secundário e mais tarde na Faculdade de Letras da sua cidade natal. Com Oaristos (1890) e Horas (1891) introduz em Portugal a estética simbolista. A sua obra evolui depois para um neoclassicismo, conservando, no entanto, em contraste com o «Romantismo póstumo» que continuava a ser publicado, muitos dos valores anteriormente conquistados. A sua segunda fase pertence o poema Constança (1900), considerado por alguns o momento mais alto da sua obra e livro preferido de Unamuno...".

Sem comentários: